Cada vez mais o exercício físico faz parte da rotina diária de todos nós. É excelente para nos mantermos em forma, aliviar o stress do dia-a-dia e nos sentirmos mais saudáveis, felizes e enérgicos. E principalmente nesta fase menos boa que o mundo atravessa, que nos obriga ao confinamento, o exercício físico pode ser um excelente aliado.

Entre treinos e a agitação normal do nosso dia, por vezes os cuidados capilares acabam por ser escassos o que pode representar um problema para quem gosta de manter o seu cabelo bonito e saudável. Ninguém quer escolher entre manter-se ativo ou conseguir um cabelo bonito e bem cuidado!

Para tudo há uma solução e esta não passa por deixar de treinar. Pequenos hábitos podem fazer a diferença nos cuidados capilares, mesmo para as atletas que precisam de treinar todos os dias! Assim, seguem-se algumas dicas para facilitar os cuidados capilares de todas as Crono Atletas:

Escolhe um penteado adequado
É importante que te sintas confortável durante o treino e o penteado certo pode ajudar. No entanto, não te esqueças que apanhados demasiado apertados podem causar muita fricção, partir os fios ou deixá-los frisados e frágeis.
Para as praticantes de ballet ou outros tipos de dança, que precisam de manter o penteado bem direitinho e bonito, podem recorrer à laca L’OREAL Infinium extra strong. É um produto de boa qualidade, que mantem o cabelo no sítio durante todo o treino.

Utiliza acessórios adequados
Podemos pensar que a escolha do elástico não é importante, mas isso não é verdade. Escolher um bom elástico (por exemplo os invisibobble ou os Rolling Strings – elástico estilo fio de telefone) ajuda a reduzir a fricção, a quebra dos fios e oferece maior conforto.

Lava o cabelo após o treino
Este é um erro muito comum. Algumas pessoas, por medo de danificar o cabelo com lavagens excessivas, acabam por não o lavar após o treino. Isto pode resultar em acumulação de resíduos, desenvolvimento de fungos ou bactérias e até levar a queda de cabelo.

Não utilizes champô seco após o treino
Este é mais um erro que pode ter consequências desagradáveis, tal como o anterior. O champô seco deve ser utilizado apenas em último recurso… e sem dúvida que após o treino não é o momento certo! Assim como o suor, este tipo de produto também deixa resíduos que se acumulam e podem entupir os folículos.

Utiliza produtos mais suaves para lavar o cabelo
Se não lavar o cabelo após o treino não é a solução, e as lavagens excessivas podem realmente danificar os fios, então porque não optar por lavagens mais suaves? Uma boa dica para quem treina (ou para quem tem de lavar o cabelo diariamente por outras razões) é intercalar o seu champô frequente com um co-wash (vê aqui alguns exemplos) ou um champô indicado para low-poo. Desta forma evitamos danos maiores sem descurar na lavagem.

ATENÇÃO: Não precisam de aderir aos métodos NO ou LOW-POO para seguir esta dica. A ideia é intercalar, como tal no dia seguinte voltam a usar o champô habitual e este retirar os possíveis resíduos de petrolatos e silicones que possam estar nos fios. Se não te sentes confortável para fazer co-wash, opta por um champô low-poo que é uma opção mais simples.

Aplica óleo no cabelo antes do treino
Esta dica tem duas interpretações possíveis: aplicar um óleo no comprimento e pontas dos cabelos de forma a proteger os fios na lavagem pós-treino (ou seja, falamos de um pré-poo durante o treino) OU fazer humectação, com um óleo vegetal puro, durante o treino (assim é possível rentabilizar o tempo e nutrir o cabelo enquanto treinas). É importante lembrar que a humectação é um método de nutrição, como tal apenas se aplica nessa fase do CC, e que se deve fazer no máximo uma a duas vezes por mês.
Relativamente a este ponto, é também importante ter em atenção que não se deve apanhar sol com óleo no cabelo. Logo, esta dica não é válida para quem treina ao ar livre.

E são estas as sugestões que temos para as nossas Crono Atletas! Agora queremos saber: gostam deste tipo de artigo? Quem pratica desporto, já recorre a alguma destas dicas? Tens dicas diferentes para nos dar? Conta-nos tudo nos comentários… e partilha!